quarta-feira, 7 de junho de 2017

PRIMEIRAS IMPRESSÕES: PERDIDA NO PARAÍSO

SINOPSE: Kristen Berkeley já não era mais a mesma. Após a morte de sua irmã gêmea, ela é mandada para morar com o pai em Nova York e perde todas as referências de quem costumava ser. Longe de seu passado, tudo o que Kristen deseja é poder recomeçar sua vida e esquecer os verdadeiros motivos que lhe levaram até aqui. Sua prima Sarah é sua anfitriã em um universo novo, onde ela pode se reinventar e tentar seguir o script de uma vida tranquila. Mas ela não esperava conhecer Landon Parker, um jovem tão irresistível, quanto perigoso, que ela sabe que precisa se manter distante o bastante para não se apaixonar. A questão é: será que ela conseguirá? Todo paraíso tem suas tentações e Kristen precisa reconhecê-las entre tantas mentiras, segredos e uma paixão avassaladora.


Oi gente, tudo bem? Então... Hoje eu vim trazer pra vocês as minhas Primeiras Impressões desse livro que olha... Mexeu um tikim (muito) com meu pobre coraçãozinho! Antes de começar a dizer qualquer coisa sobre esse livro, eu tenho um recado para a Bhetys (autora do livro e da série “Paraíso”): POR FAVOR, ME MANDA A CONTINUAÇÃO DESSA SÉRIE, EM NOME DA MINHA SANIDADE MENTAAAAAAAAAL, NUNCA TE PEDI NAAADAAAA!!!!!! (Okay... Acho que me exaltei um pouco, peço perdão pelo vacilo... Pelo menos o recado foi dado... kkkkk). 


Quando eu recebi a proposta de fazer uma resenha de Primeiras Impressões desse livro, eu já disse logo: “O ruim de pegar Primeiras Impressões é que você se apaixona pelo livro, mas não tem ele inteiro...” Parece que eu já previa que iria me apaixonar por “Perdida No Paraíso”... Sabe aquele livro que você pega pra ler achando que vai matar o final logo de cara? Confesso que foi assim comigo. Quando li a sinopse dele, já pensei logo: "A Kristen vai ficar com o Landon e fim da história. Só isso. Próximo" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk O QUÃO ENGANADA EU ESTAVA?!


Esse livro te prende já no começo, quando você conhece a história de Kristen Berkeley, uma garota que perde sua irmã gêmea aos 17 anos de idade. A causa da morte ainda é desconhecida, mas ao que tudo indica foi algo bem triste. Conhecemos também a mãe das gêmeas, QUE É UMA VACA INSENSÍVEL E SEM CORAÇÃO (já percebemos aqui que Jamilly não gosta nem um pouco dessa mulher, não é mesmo?! Kkkk) que culpa a filha pela morte de sua própria irmã e praticamente expulsa ela de casa, despachando-a para morar com o pai em outro estado. 


Com uma vida nova e a dor da perda ainda latente em seu coração, Kristen tem que lidar com todas as mudanças: Casa nova, escola nova, amigos novos, contando apenas com seu pai (que trabalha bastante, mas faz de tudo pra sempre estar presente na vida da filha) e com sua prima Sarah, que se aproxima dela criando um laço de amizade “por livre e espontânea pressão”, já que sua prima é a única pessoa da escola nova que ela conhece.


Na escola, Kristen conhece a galera de Sarah, entre eles Ian (irmão do namorado da sua prima, por quem ela logo fica digamos “encantadinha”). Também conhece Landon, o cara mais desejado entre todas as garotas da escola, capitão do time de futebol e típico bad boy que se acha O CARA, que inclusive chega na Kristen já achando que ela tava “no papo”. Iludido... kkkk. O estranhamento entre eles é imediato, ela já percebe que ele não é flor que se cheire (e Sarah faz questão de enfatizar isso).


Sarah, em sua missão de enturmar Kristen (e talvez juntar ela com Ian), enche o saco dela e faz com que ela vá uma festa com eles. Mal sabia a coitada que aquela festa seria um divisor de águas na relação dela com o Landon (algo acontece nesta festa, mas ÓBVIO que eu não vou contar para vocês! Muahahahahaaaa) Mas... E o Ian? Ela não tava encantadinha por ele? AI GZUIZINHOOOO!!! E agora? Será que Kristen fica com Ian? Se acerta com Landon? Fica com os dois? Fica sozinha? Vira freira? (kkkk esse último não acontece, óbvio... Se bem que seria bem engraçado... kkkkkkkkkkkkkkk)


Eu gostei desse livro porque a narração dele é dividida entre Kristen e Landon. Assim a gente pode ter os dois lados da mesma história e saber o que sente cada personagem. Os dois parecem ter uma relação de amor e ódio (mais ódio do que amor). Em livros assim, esse ódio todo acaba se transformando numa atração sexual inevitável, que provavelmente os fazem ter um caso. No meio disso tudo tem o Ian, que se encantou pela Kristen e vai tentar conquistá-la. Ele e o Landon parecem que se odeiam (típico de dois garotos que disputam a atenção da mulherada). O livro também é cheio de segredos e reviravoltas, já que a morte da Kathy (irmã gêmea da nossa personagem principal) ainda não foi revelada pra gente.


Agora assim amigos... Se eu puder dar um conselho de amiga pra vocês que vão ler esse livro (porque vocês vão ler, eu sei que tá todo mundo morrendo de curiosidade junto comigo): NÃO SE APEGUEM A NENHUM PERSONAGEM!! Se tem uma coisa que eu aprendi nesse livro é que eu sou trouxa e que AS APARÊNCIAS ENGANAM MUITO! Mas o livro é maravilhoso e até já li ele inteiro (só que não vou dizer mais nada sobre o que eu descobri, vou deixar todo mundo com um gostinho de quero mais porque sou dessas!). Leiam, vocês não vão se arrepender! E querida autora que eu nem conheço, mas já considero pakas, meu aniversário é mês que vem, já pode pensar na hipótese de mandar TODA A SÉRIE aqui pra casa né?! (aquela Alice que sonha... kkkkkkkkkkkkk).


PARA COMPRAR "PERDIDA NO PARAÍSO" CLIQUE AQUI!

RESENHA ESCRITA POR: JAMILLY LEIMAN
24 anos, uma paraense que foi criada no interior da Bahia. Coração dividido entre a música e os livros, é cantora, estudante de artes e apaixonada desde criancinha pela leitura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: