sexta-feira, 16 de junho de 2017

RESENHA DO LEITOR: SOBREVIVENTE DO CAOS

SINOPSE: Em um mundo distópico, no ano 2323, após ser quase dizimada por um vírus mortal e pela guerra, a raça humana tenta se reestruturar. Com poucos recursos disponíveis, a humanidade encontra-se dividida em grupos que vivem de acordo com regras impostas por seus líderes. Celine cresceu nesse ambiente hostil e se tornou líder dos guerreiros de seu povo após a morte de seus pais. Seu grupo se envolve em diversos conflitos e a jovem precisa tomar as decisões que julga corretas para garantir a sobrevivência de seu povo, enquanto se envolve num forte romance, do qual tenta se manter afastada. Aos poucos, ela descobre mais sobre as pessoas que a cercam e percebe que, quando se trata de lutar pela própria vida, poucos são previsíveis. Só os mais fortes sobrevivem, e os mais fortes normalmente são os mais cruéis. Nesse ambiente, o mais difícil é saber quem realmente está ao seu lado e quem é um traidor. Será Celine capaz de manter sua benevolência frente à tanta violência que a rodeia? Seu coração terá espaço para a paixão, cercado de tanto ódio? Prepare-se para muita adrenalina e romance nesse primeiro livro da trilogia 2323. Você vai perder o fôlego!


Olá pessoal que eu adoro! Como estão? Hoje vamos conversar sobre o livro SOBREVIVENTES DO CAOS, da autora BIANCA GULIM. Não conhecia a escrita da autora e foi através dessa belezura que conheci. Então, era para ser só Primeiras Impressões, mas daí vem essa história e não me aguentei... corri até a Amazon e garanti o meu!


Bianca leva o leitor até o ano de 2323. O mundo não é mais o mesmo que conhecemos, um vírus mortal se espalhou pela Terra e foi dizimando o mundo, deixando assim poucos sobreviventes. Esses poucos que restaram se dividiram em grupos, os quais vivem sobre suas próprias leis. Cada grupo possui suas próprias características. Um grupo com guerreiros bem treinados, outros donos de grandes exércitos. Para melhor entender esse livro preciso explicar que o território é dividido entre os aligorteso povo da areiaa fortaleza e o povo de Celine que é nossa protagonista.


Tudo está indo muito bem (na medida do possível, afinal o mundo quase acabou, não é mesmo?). Cada um vivendo no seu “quadrado”... Pois é, grande engano!!! Só que tem uma coisa que infelizmente sempre vai existir: A GUERRA! Júlio – irmão de Celine é um tipo de líder de sua tribo. Ela não é nada certinha, dona de um temperamento agressivo, porém uma personagem equilibrada. A situação central da história é de total caos. O mundo está instável e Celine começa a perceber isso de uma maneira nada agradável. Júlio sai em uma “missão” e demora para retornar.  É esse o momento que algo desperta em Celine.


SOBREVIVENTES DO CAOS é uma distopia muito bem desenvolvida e criada com maestria. Narrada em primeira pessoa (que eu amo), a autora consegue fazer o leitor perceber esse novo mundo. Ler o livro pela perspectiva de Celine nos faz entender elementos do passado, compreender como tudo aconteceu e o mais importante: ver o que levou Celine a se tornar a guerreira obstinada que é. Celine pode muito bem ser uma grande líder, enfrentar batalhas e ter seus momentos amorosos. Sim! O livro tem algumas cenas “quentes”.


Para saber o que aconteceu com Celine e seu irmão só lendo mesmo. É isso aí... vou ser malvada e não contar nadinha de nada! Não me julguem okay!? kkkk Gostei do livro no geral e espero em breve ler o livro dois. Mil beijos e até a próxima.


VITAMINAS:



PARA VISITAR O SITE DO LIVRO CLIQUE AQUI!

PARA COMPRAR O LIVRO FÍSICO CLIQUE AQUI!

PARA COMPRAR O E-BOOK CLIQUE AQUI!

PARA VISITAR A FAN PAGE DO LIVRO CLIQUE AQUI!

PARA VISITAR O INSTAGRAM DO LIVRO CLIQUE AQUI!


RESENHA ESCRITA POR: RENARA CABRAL PEREIRA PAVEZ
25 anos, capixaba e casada. Formada em pedagogia. Amo ler e dar aula. A leitura me faz viajar!

2 comentários:

  1. Ebaaa! Que delícia de texto.
    Muito obrigada, Renara! Adorei a sua resenha!
    Fico muito feliz em saber que você gostou do livro, é gratificante.
    Um beijo

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: